Eu,

Minha foto
Dayse Sene
Sou águia que vôa alto... em busca dos meus sonhos. Sou girassol, que acompanha o brilho do sol, em busca de um crescimento espiritual. Sou simplesmente Dayse Sene, que vive, que chora, que se emociona, que luta, que caminha por entre flores e espinhos, como todos, mas que mesmo assim, se sente feliz. Assim sou eu: AGRADECIDA POR ESTAR VIVA.

Textos Mais Lidos

Qual o seu idioma?

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Meu Arquivo

A Sapinha de Óculos


Não muito longe daqui.
Existe um planeta 
de nome Sapolândia.
É um pequeno planeta.
Mas cheio de árvores,
flores.
Ele é bem colorido.
Chove quase todos os dias.
Um dia ou outro,
o sol surge sorridente,
para os habitantes do lugar
ele cumprimentar.
Nesse encantado planetinha,
vivem muitos sapinhos.
São famílias muitooo felizes.
Vivem sorrindo!
Cantam quase que toda hora.
É um planeta cantor, esse lindo lugar.
Daqui surgem 
grande fenômenos
na arte da música.
São cantores renomados.
E o maior espetáculo da música
é o "Festival de Sapiens".
Onde são tão lindas as óperas,
que refletem em todo o Universo.
E foi daí que conheci esse planetinha.
Muito bem!
Nesse planeta,
existe uma linda sapinha.
Sim, uma linda sapinha...
diferente de todos os outros.
Ela usa óculos.
Tem miopia.
Desde pequenina,
ela quase não via,
não enxergava bem.
Esbarrava em tudo e em todos.
Tropeçava nas perninhas.
E pouco lia.
Na escola!
Quase nada sabia.
Ninguém descobria
por que a sapinha não lia.
Até que um dia,
ela descobre
que era míope.
Passou a usar óculos.
Viu o mundo mais colorido
e sorria.
Comprou,
vários modelos de óculos.
Se exibia
cada dia com um.
Um dia,
quando vinha da padaria,
bem tranquila,
meditando a sua alegria.
Um grilo muito atentado
gritou,
quando perto dela chegou:
_ Nunca vi sapa de óculos.
Hahaha...
Nunca vi sapa de óculos.
E ela,
sem saber 
como reagir a "gozeira",
apenas respondeu:
_ E eu nunca vi
grilo de bicicleta.
E ele saiu em sua bicicleta
feito vento.
E por lá sumiu.
A sapinha ficou um pouco triste.
Se sentiu muito diferente.
Não queria assim...
será que ela
havia ficado feia?
Pensou, entristecida.
Mas ela própria
resolveu não se importar
com tal forma do grilo falar.
Talvez, era porque
ele realmente
era um grilo falante.
Pensou...pensou!
Mas sempre ouvia falar,
que quem usava óculos
era inteligente.
Ela até sorriu...e pensou novamente:
_ esse grilo, é bobinho mesmo...haha.
Nem sabe que eu sou a mais inteligente do lugar.
Pois só eu uso óculos.
E aí,
ela resolveu se sentir contente.
Agradeceu a Deus,
por ainda poder ver
a beleza da natureza.
As cores.
O arco-iris.
Os amigos de infância.
O céu.
O mar.
Os lagos,
e os passarinhos.
Mesmo sendo,
com a ajuda do óculos.
Pois sem ele,
onde ela poderia ver
a natureza,
tão assim sorridente?
E desse dia em diante,
ela se sentia cada dia mais feliz.
Passou também a achar,
tão bom
ser conhecida
de forma carinhosa,
como:
" a sapinha de óculos"
E nunca mais se importou,
com os
apelidos que ganhou.

Imagem (Google).


1 comentários:

A VIDA É UM ETERNO APRENDIZADO disse...

Olá!
Com certeza deve ser um lugar lindo,quem sabe não tem um monte de príncipes disfarçados rssssssss
Grande abraço
se cuida

Postar um comentário

Os comentários deste blog são moderados por uma equipe.
Leia atentamente os Termos de uso antes de prosseguir.


Não serão aprovados os seguintes comentários:

1. com ofensas e/ou palavrões
2. não relacionados ao tema do post
3. com pedidos de parceria
4. com propagandas (spam)
5. com perfil do Blogger indisponível (anônimos)

Enfim, estamos aqui para CoNSTRuir...

.
Copyright₢ 2009 - 2010 DayseSene.Com
Developed By dPto